Facção criminosa ataca bases da PM e agência dos Correios, diz polícia

Criminoso atacaram duas bases da Polícia Militar em Palmas na madrugada desta sexta-feira (17). Um das delas localizada no setor Santa Bárbara, com aproximadamente 12 disparos de arma de fogo, atingindo as janelas, paredes e a geladeira.

A outra base atingida está localizada no setor Taquari e estaria desativada. Nesse bairros, os criminosos também jogaram coquetel molotov na área dos caixas eletrônicos, danificando os equipamentos.

Além disso, também agiram contra uma agência dos Correios em Taquaralto e uma casa no setor Lago Sul com coquetel molotov, onde no local havia quatro crianças, mas foram retiradas do local sem ferimentos pela vizinhança.

De acordo com a PM, os criminosos atiraram contra os prédios, deixaram faixas e fizeram pichações indicando que seriam integrantes da facção Primeiro Comando da Capital (PCC). Ninguém ficou ferido. A Polícia informou que recebeu vários chamados da população, mas ao chegar ao local, não havia ninguém.

Segundos a PM, os ataques possivelmente ocorreram em virtude dos policiais terem intervido em uma tentativa de rebelião na Casa de Prisão Provisória de Palmas no dia anterior, impedido a fuga de presos do pavilhão B.

O G1 entrou em contato com a Polícia Federal para comentar o ataque à agência dos Correios, mas até a publicação desta reportagem não recebeu retorno.

(G1 TO – Foto: Divulgação)

Deixe uma resposta